9.10.2011




Esperava em silêncio mas o coração fazia muito barulho.

Era rosa. Tinha medo de despetalar.



Lídia Martins

8 comentários:

Roberta Mendes disse...

Desfolha-te, que, no coração, é quase sempre outono. Ou duvidas das cores que escreves?

Ju. disse...

o meu coração tem feito muito barulho em silencio.

Alê disse...

Lindeza isso!

Rachel Nunes disse...

Se não fosse o medo de perder as pétalas encontraríamos o equilíbrio de sons.

Lindo!
Beijos

O N Z E P A L A V R A S disse...

Atravessa esse deserto de papeis, gravando a tua pegada em cada parágrafo não escrito, que são esses caminhos que mais fazem calos nas solas de nossos pés.

Cris . disse...

Tão delicada entre seus dedos, mas com o sentimento gritando ela iria se despedaçar com um simples e pequeno toque.

Gislãne Gonçalves disse...

Lirismo puro. Belas palavras!

:)

Francy´s Oliva disse...

Me desculpe mas,tenho que perguntar os seus posts estão sendo assinados como Lídia Martins, sei sei peguei o bonde andando, e não sei; se é o seu nome(mas, o que é um nome?Para alguns somente um rótulo, para outros uma identidade, para mim neste momento apenas curiosidade)(rs).
Ia me esquecendo infelizmente a rosa sempre deixa cair suas pétalas.
bjs