Header

Header

8.18.2011

Moldura do Sentido



Um dia deixaremos de ser só palavra, para sermos só poesia.



Lídia Martins

26 comentários:

Mima disse...

Que bonito...

Nei Duclós disse...

Bem de perto, o verbo feito sopro, sonho, carne, poema

JasonJr. disse...

Lindo Dona Pipa!!! :D Deixando um super beijão e abraço de ursooo!!! :D :D :D

Alê disse...

LindíssimooooooOOOOOoo

Malu disse...

E neste dia, tocaremos o PARAÍSO!!!!
Abraços

Elaine Coelho disse...

Lindo Mesmoooo!!!
Viver esse momento de felicidade!!!

Beijos

Roberta Mendes disse...

Há que despir-se de tudo. Despir a própria nudez de sua condição de metáfora.

Luara Q. disse...

Tão lindo!

Maíra Cintra disse...

Seria tudo mais bonito e simples não é?!

Gislãne Gonçalves disse...

e que esse dia se apresse em chegar!

:)

Beijos

z i r i s disse...

Sinto este desejo profundo de deixar cair aos pés suas roupas de época. Um dia deixaremos? Mas tu, que já fora as duas coisas?

Um beijo

Rafaelle Melo. disse...

Será apenas impressão, ou as coisas ficaram mais leves por aqui.

Acho bonito te ver despir os pesos, para dar espaço ao que virá.

Com fé é mais bonito, Pipa. Com fé e coragem é para ficar adimirando por horas.

Adimiro-te na poesia leve que já és, pela prosa densa que fostes.

Te abraço, cheia de fé e coragem.

Kleberson Marcondes disse...

E quando chegarmos a poesia é pelo simples fato de não cabermos mais nessa vida.

Luzia Medeiros disse...

O melhor de despir-se é ser tudo sem ter nada a perder. Ser poesia é ser canção, ser fantasia. Ambição das grandes, deixar o estado poeta para atingir a poesia de ser.

bjs,

Dani disse...

E nesse dia tudo será completo!!!!
Bjss

Tiago disse...

Que imagem bonita.

T.

Ceres disse...

E se formos ambos simultaneamente? Ou alternadamente... É assim que sou, dentre muitas outras coisas...
Beijos

Luzia Trindade disse...

Lindo. Que assim seja!!

Webert Gomes disse...

Palavra metamorfoseada em poesia.

Nós nos somos na palavra camuflada de casulo e ainda depois como borboleta.

O voar é poesia. E no ar encontramos pipas. E no ar a gente se vê.

Anônimo disse...

"Ela chega com tudo no navio já distante do porto. E lá vem o vento! Levantando a flor,roupa de sua doçura."

Gostei do seu novo quem sou eu Pipa,

Ela foi deixada para trás, mas ficou linda livre. Imagino que esse marinheiro que a deixou tenha o pescoço torto de tanto olhar para trás.

Isso e que é plenitude!

Everson Russo disse...

E então enfim entenderemos em versos o amor...beijos de boa noite pra ti...

www.olivrodosdiasdois.blogspot.com

***Noe*** disse...

E esse será um dia lindo, de paz...

Beijocas, Pipa!

Anônimo disse...

To fazendo um Achézinho/
Inclusive fechei uma Conversa com tais Estrofinhos -
mas não entrou/
não sei pq -
acho q ficou "estrannho no ninho"/
Se não for lhe pedir muito,
Uma esmolinha pelo amor de Deus!
uma esmolinha por Caridade!
mas-será q Vc pode editar pra eu?
q C já viu - né!?
tá cheio de Espertinho condenando a Vaidade/
E ó/
Viva a Paranóóóóóia !!!
Esta sim/ Taí!
Esta é a Verdade.
É por isso q é sempre preciso dizer:
Qualquer Coincidência é mera Veleidade.
Começa assim/um dia termino/
Começa assim/ e já assino:
Pergaminho.

Vê se não me enrola
Deixa de História
Vc quer é ir com a Norma pra Jaboatão

Pois vá Vc então
com a Norma
pra Jaboatão

Pois vááá Vc então
com a Norma
pra Jaboatão

Não mais discutamos
Não se preocupe
Eu fico aqui
com a Glória

Vem cá vem Glorinha
Vem cá com o Papai
Q coisa mais bonitinha
Q é essa minha Cachorrinha

Q Coisa...

(Espelho D'Água/Aconteceu No Carnaval)

Da Gloooria!
Hehe...
Haha.

Natália Rocha disse...

Amém!
E tudo será tão mais bonito, mais leve!

um beeijo*

Monalisa Macêdo. disse...

Lindo.

cris photos disse...

Gostaria de ser poesia.... bjus