Header

Header

1.19.2010

A liberdade é azul


Ele ficou para trás. Mas não foi culpa dela. Ante as portas livres, ela começou uma nova vida. Justo agora, que ela tinha o tamanho exato para passar pela porta estreita das exigências dele. Junto dela, havia raios de sol, tremeluzindo aos olhos. Como se através de uma cortina ela visse o céu, salpicado de estrelas aquáticas. Embriagada pela esperança, ela alcançou o oceano, e esticou os braços limpos contra o vento. Tinha cheiro de lavanda. Naquela tarde o sol se deitou sobre um vasto salão marinho. Ela havia marcado um encontro com o céu. Mas como ele não apareceu, decidiu deixar um bilhete sobre as águas.  É melhor que eu leia em voz baixa: "Um dia desses, sem falta, a gente vai ser feliz."  Ele sorriu com doçura. Arrastou-se até o infinito, e saiu pelos ares, completamente azul. Talvez gostasse dela à sua maneira.



Pipa. "E amanhã tem sol."



Lídia Martins

12 comentários:

Cris disse...

.

A última frase me fez viajar por mar nunca dantes navegado!

e é pura verdade! cada um tem seu jeito de gostar, por que não?

beijos muitos!

.

GABRIELE GALARÇA GONÇALVES. disse...

Lindo!

Winny Trindade disse...

Ah, sim, amanhã ainda terá sol. E é isso que nos faz ter esperança.E esperança é essêncial para a vida!

Beijo Pipa.

Anônimo disse...

Fico na dúvida se você é pura ciência ou pura emocão. E gosto das duas.

Um beijo gostoso
Vitaum

Be Lins disse...

Claro que sim, Pipa,
ainda mais você, uma moça que conhece tanto de voar e fazer voar.

és tão bem vinda, quanto permanentemente, convidada.

Venha!

*

renata carneiro disse...

quando a gente marca um encontro com o céu, a liberdade espera na chegada.

que delícia, pipa querida!

um beijo.

Mary* disse...

Lindo! Lindo como sempre, pipa querida.
Fiquei sem palavras.

Ziris disse...

Pipa, como vai?

Lindo texto, lindo! É incrivel o dom que vc tem para colocar as palavras nos lugares certos... Eu só posso suspirar...

Me salvas. Te salvo...

Xerinho...

Ailma disse...

Quando eu crescer quero escrever como você!!


Senti aqui o gosto da liberdade. E fiquei feliz que a felicidade dela enfim independia dele. E suas exigências!



Beeeeeiijos *)

ErikaH Azzevedo disse...

Quem bonito céu e mar juntos a viver o amor. Linha do horizonte como ponto de encontro e o sol a testemunhar tudo.

Bonito de se ver e mais ainda de se sentir.

bjos

Erikah

p.s : Bonito teu espaço...senti-me aconchegar nele, estou a te seguir.

Anônimo disse...

Pra onde tenha sol....é pra lá que eu vou! Que seja um novo tempo de muita luz..de sois e céus... Bem vinda à liberdade azul....essa que está doida por se aprisionar em um grande e verdadeiro amor!

Ana disse...

Nossa, você escreve muito bem, gostei muito deste texto. Tambem escrevo,gosto muito, acho linda a arte de expressar sentimentos através de palavras!

Sucesso..

beijos